31 de jul de 2010

Culinária com Soja -

MAIONESE DE SOJA DA SARA

SUCOS SAUDÁVEIS PARA O VERÃO

Se você é do time que tem dificuldade em manter uma alimentação balanceada ou por conta da rotina corrida ou simplesmente por não gostar de comer legumes e folhas crus, vai adorar conhecer os sucos funcionais. Eles são uma solução eficaz e saborosíssima de suprir boa parte de nossas necessidades diárias de nutrientes e vitaminas já que misturam frutas, legumes e verduras. Além disso, conferem um grande fluxo de energia ao organismo, principalmente se consumidos pela manhã, aumentando a disposição. Por serem diuréticos e desintoxicantes, os também conhecidos como "sucos verdes" limpam os órgãos internos, ajudando-os a funcionar melhor e auxiliando no processo de emagrecimento. Além disso, mantêm o corpo hidratado, bem nutrido e funcionam como preciosos auxiliares na prevenção de doenças, já que regulam o metabolismo e fortalecem o sistema imunológico. A clorofila contida em todas as folhas verdes, especialmente as escuras como couve, espinafre, salsa e agrião, entre outras, purifica o sistema digestivo e oxigena as células, fornecendo mais vitalidade e melhorando a pele e as funções musculares. As frutas e legumes, além de também estarem repletos de nutrientes e vitaminas, ajudam a adoçar naturalmente os sucos. Para dar um toque final e tornar a mistura ainda mais saborosa, você pode acrescentar ingredientes como gengibre, erva-cidreira, capim limão ou hortelã. O consumo de fibras também é muito importante para o bom funcionamento do intestino e para prolongar a sensação de saciedade, por isso, podem ser adicionados farelos de trigo, linhaça, flocos de quinoa, ou grãos germinados.

SÉRIE ALEJANDRO BULLON - FILEMON -

27 de jul de 2010

ANSIEDADE E CONFIANÇA EM DEUS

"Confia no Senhor de todo o teu coração, e não te estribes no teu próprio entendimento. Reconhece-o em todos os teus caminhos, e ele endireitará as tuas veredas" (Provérbios 3:5-6) O que aconteceria se eu perdesse meu emprego? Se eu não pudesse pagar minhas contas? Se eu nunca me casar? Se eu fracassasse no que estou fazendo? Se eu não passasse no teste? Se o meu relacionamento não desse certo? Se as coisas nunca melhorarem? Se algo acontecesse com meus filhos? E se eu ficasse seriamente doente? Se um de meus entes queridos morrer? Grande parte de nossa ansiedade vem de pensamentos do tipo – "E se…” Mas, DEUS diz para não andarmos ansiosos por coisa alguma. Está escrito: "Não estejais inquietos por coisa alguma; antes as vossas petições sejam em tudo conhecidas diante de Deus pela oração e súplica, com ação de graças" (Filipenses 4:6).A ansiedade vem do medo. Toda a nossa inquietação, incerteza, aflição, temor e pânico vem do medo. O medo pode sobrevir-nos com algo imprevisto, capaz de parar o coração. Pode distorcer nossos pensamentos. Pode controlar nossa vida. Pode paralisar-nos. Mas, DEUS diz que o medo não vem DELE. Está escrito: "Porque Deus não nos deu o espírito de temor, mas de fortaleza, e de amor, e de moderação" (II Timóteo 1:7). Quando sofremos de ansiedade e medo por um longo período, podemos ficar desanimados. Você sabe o que acontece quando se abre uma fenda em alguma coisa isso a enfraquece até o ponto dela poder ser quebrada. A mesma coisa acontece com a nossa vida. Se uma pequena brecha for aberta em nossa coragem, ela poderá desmoronar por inteiro e o desânimo chega aos poucos. Mas, DEUS diz que não devemos desanimar. Está escrito: "Eis aqui o SENHOR teu Deus tem posto esta terra diante de ti; sobe, toma posse dela, como te falou o SENHOR Deus de teus pais; não temas, e não te assustes" (Deuteronômio 1:21).Ansiedade, medo e desânimo são epidemias atuais, mas, DEUS prometeu-nos uma maneira de escapar de todas elas. REFLEXÃO: "Tu conservarás em paz aquele cuja mente está firme em ti; porque ele confia em ti" (Isaías 26:3)

REFORMA COMPLETA

Completai a minha alegria, de modo que penseis a mesma coisa, tenhais o mesmo amor, sejais unidos de alma, tendo o mesmo sentimento. Filip. 2:2. É chegado o tempo para se realizar uma reforma completa. Quando esta reforma começar, o espírito de oração atuará em cada crente e banirá da igreja o espírito de discórdia e luta. Os que não têm estado a viver em comunhão cristã, chegar-se-ão uns aos outros em contato íntimo. Um membro que trabalhe da maneira devida levará outros membros a unir-se-lhes em súplica pela revelação do Espírito Santo. Não haverá confusão, pois todos estarão em harmonia com o Espírito. As barreiras que separam um crente de outro, serão derribadas e os servos de Deus falarão as mesmas coisas. O Senhor cooperará com os Seus servos. Todos orarão com entendimento a prece que Cristo ensinou aos Seus servos: "Venha o Teu reino, seja feita a Tua vontade, assim na Terra como no Céu." Mat. 6:10. Ao ouvir das terríveis calamidades que semana a semana estão ocorrendo, pergunto-me a mim mesma: Que significam estas coisas? As mais terríveis catástrofes seguem-se umas às outras em rápida sucessão. Com que freqüência ouvimos de terremotos e furacões, de destruição por fogo e inundações, com grandes perdas de vida e propriedade! Aparentemente essas calamidades são caprichosas irrupções de forças desordenadas, irregulares, mas nelas se pode ler o propósito de Deus. São um dos meios pelos quais Ele procura despertar homens e mulheres, levando-os a reconhecer o seu perigo. A vinda de Cristo está mais próxima do que quando aceitamos a fé. Aproxima-se de seu término o grande conflito. Os juízos de Deus estão na Terra. Pronunciam solene advertência, dizendo: "Estai vós apercebidos também; porque o Filho do homem há de vir à hora em que não penseis." Mat. 24:44. Testemunhos Seletos, vol. 3, págs. 254-256.

25 de jul de 2010

LENÇÓIS OU JANELAS SUJAS?

“Não julgueis, para que não sejais julgados. Porque com o juízo com que julgais, sereis julgados; e com a medida com que medis vos medirão a vós. E por que vês o argueiro no olho do teu irmão, e não reparas na trave que está no teu olho? Ou como dirás a teu irmão: Deixa-me tirar o argueiro do teu olho, quando tens a trave no teu? Hipócrita! tira primeiro a trave do teu olho; e então verás bem para tirar o argueiro do olho do teu irmão” (Mateus 7:1-5) Um casal, recém-casados, mudou-se para um bairro muito tranquilo. Na primeira manhã que passavam na casa, enquanto tomavam café, a mulher reparou através da janela em uma vizinha que pendurava lençóis no varal e comentou com o marido: - Que lençóis sujos ela está pendurando no varal! - Está precisando de um sabão novo. Se eu tivesse intimidade perguntaria se ela quer que eu a ensine a lavar as roupas! O marido observou calado. Alguns dias depois, novamente, durante o café da manhã, a vizinha pendurava lençóis no varal e a mulher comentou com o marido: - Nossa vizinha continua pendurando os lençóis sujos! Se eu tivesse intimidade perguntaria se ela quer que eu a ensine a lavar as roupas! E assim, a cada dois ou três dias, a mulher repetia seu discurso, enquanto a vizinha pendurava suas roupas no varal. Passado um tempo a mulher se surpreendeu ao ver os lençóis muito brancos sendo estendidos, e empolgada foi dizer ao marido: -Veja, ela aprendeu a lavar as roupas, será que outra vizinha ensinou? O marido calmamente respondeu: - Não, hoje eu levantei mais cedo e lavei os vidros da nossa janela! E assim é. Tudo depende da janela, através da qual observamos os fatos. Antes de criticar, verifique se você fez alguma coisa para contribuir, verifique seus próprios defeitos e limitações. Olhe antes de tudo, para sua própria casa, para dentro de você mesmo. Só assim poderemos ter noção do real valor de nossos amigos. Temos nós lavados nossas janelas? REFLEXÃO: “Tende cuidado de vós mesmos; se teu irmão pecar, repreende-o; e se ele se arrepender, perdoa-lhe.” (Lucas 17:3)

22 de jul de 2010

AMANHECEU...

"De manhã, Senhor, ouves a minha voz; de manhã Te apresento a minha oração e fico esperando." Sal. 5:3. Amanheceu. Já é um novo dia. Você está agora diante de novos desafios. Há momentos em que você acha que não tem mais forças. Sente-se cansado, exausto e pequeno diante de problemas aparentemente insolúveis. O conselho do salmista para você é: Ore, clame a Deus, coloque nas mãos divinas o fardo que está pesado demais para você. Se você analisar o texto de hoje, perceberá que o autor fala de quatro coisas: Primeira: ore, ore muito, não se canse de orar. Davi diz: "Te apresento a minha oração." O segredo de uma vida vitoriosa é a oração. Em segundo lugar: Ore de manhã, quando você acordou depois de uma noite durante a qual os seus pensamentos e preocupações se aquietaram, quando sua mente ainda não foi poluída pelas agitações do dia, e pode perceber a resposta divina. O próprio Deus prometeu: "Eu amo os que Me amam; os que Me procuram Me acham." Prov. 8:17. Em terceiro lugar, tenha certeza de que o Senhor ouvirá a sua voz. Ele é um Pai amoroso e preocupado com a felicidade dos Seus filhos. Quando Jesus esteve neste mundo, disse um dia: "Qual dentre vós é o homem que, se porventura o filho lhe pedir pão, lhe dará pedra? Ou, se lhe pedir um peixe, lhe dará uma cobra? Ora, se vós, que sois maus, sabeis dar boas dádivas aos vossos filhos, quanto mais vosso Pai, que está nos Céus?" Mat. 7:9-11. Portanto, tenha certeza de que sua oração será atendida. Finalmente, fique esperando. Não corra. Não tenha pressa. Espere até receber a resposta. A expressão: "fico esperando", em hebraico, diz literalmente "olho para cima", esperando a resposta de cima, com gratidão se as coisas acontecem como você deseja, ou com paciência, se Deus está lhe mostrando outra saída. Em todo caso, não pare de orar, de esperar e de confiar, mesmo que as tormentas da vida pareçam afundar sua embarcação. Seu Deus não dorme nem adormece. Está sempre vigilante, interessado em resolver os seus problemas da melhor maneira, embora você não o compreenda agora. Por isso, antes de sair de casa, hoje, diga: "De manhã, Senhor, ouves a minha voz; de manhã Te apresento a minha oração e fico esperando."

19 de jul de 2010

TEMPO PRA DEUS

"Eu sou a videira; vós sois as varas. Quem permanece em mim e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer" (João 15:5).>"Seus piores dias nunca são tão ruins que você não possa alcançar a graça de Deus e seus melhores dias nunca são tão bons que você não necessite da graça de Deus." (Colleen Spencer)Essa é a nossa realidade e se a compreendemos, seja qual for a circunstância, sempre seremos muito felizes. O Senhor é tudo para nós e não desejamos estar longe dEle em momento algum. Quando enfrentamos lutas, Ele está ao nosso lado, pelejando para nos assegurar a vitória. Quando as tempestades se abatem contra nossas vidas, Ele as dissipa e faz brilhar novamente o sol sobre nossos caminhos. Quando nossos dias são de paz e tranquilidade, Ele caminha de mãos dadas conosco, feliz com a nossa alegria. Muitas vezes vivemos distantes de Deus por achar que não precisamos dEle. Confiamos em nossa sabedoria, em nossa força e em nossa capacidade. Agimos segundo nosso modo de pensar e, se não conseguimos alcançar os objetivos, reclamamos de tudo e de todos, especialmente de Deus, esquecendo-nos de que nós o excluímos de nossos planos. E quando tudo dá certo para nós e as vitórias são constantes, na maioria das vezes chamamos os amigos e fazemos uma festa, comemorando com um "eu consegui". Proclamamos todas as nossas virtudes e competência e não lembramos de que "pedimos a bênção do Senhor" e a nossa conquista aconteceu por causa de Sua intervenção. Se queremos realmente alcançar a felicidade, não podemos abrir mão da presença do Senhor conosco. Ele é o que há de mais importante em nossas vidas, tanto nos bons como nos maus momentos. Não sabemos fazer nada sem Ele. Não queremos fazer nada sem Ele. Ele é tudo para mim... sempre. E para você?

13 de jul de 2010

REFÚGIO E PROTEÇÃO, SOMENTE EM DEUS!

“Senhor, Deus meu, em Ti me refugio; salva-me de todos os que me perseguem e livra-me.” Sal. 7:1. Alguém acusou você diante do chefe? Pessoas que fazem isso não estão preocupadas com o seu bem nem o bem da empresa. É gente covarde que quer ganhar “pontos” diante do chefe. Esse tipo de pessoas existe no trabalho, na escola e até no círculo familiar. “São amigos” que você confia, despertam a sua confiança, fazem você falar, e depois correm para contar tudo ao superior. Na vida de Davi também existiu esse tipo de pessoas. Cuxe, o benjamita, foi um deles. Cuxe acusou Davi de conspiração contra o rei, e o rei acreditou. Aonde vão os filhos de Deus quando são acusados injustamente? Se você explicar, seus inimigos podem distorcer as palavras para enredá-lo mais. Davi sabia a quem pedir ajuda e orou: “Senhor [Jeová], meu Deus [Elohim].” Jeová, o Deus da aliança e do amor, e Elohim, o Deus Todo-Poderoso. Na hora da perseguição, o salmista apela ao amor e ao poder de Deus. O poder divino sempre será usado em seu favor porque o Senhor ama você. Vá a Ele confiantemente. Aliás, algumas traduções usam a expressão “em Ti me refugio” como “em Ti confio”. Existe outro pensamento no verso de hoje. Davi suplica: “livra-me”, e no verso seguinte acrescenta: “Para que ninguém, como leão, me arrebate, despedaçando-me.” No caso de Davi, o leão era Cuxe, seu acusador, mas em nosso caso é um inimigo espiritual. Pedro diz: “O diabo, vosso adversário, anda em derredor, como leão que ruge procurando alguém para devorar.” I Ped. 5:8. Ele é o acusador. Seu dedo maligno está sempre apontando em sua direção e dizendo: “Este indivíduo é um pecador e merece morrer.” É nessa hora que podemos nos refugiar em Jesus e dizer: “É verdade, Senhor, sou um pobre pecador. Mas aceitei Teu sacrifício expiatório. Em Ti me refugio, salva-me.” Chegará o dia quando o inimigo terá que engolir todas as acusações levantadas contra você. João descreve esse acontecimento assim: “Então, ouvi grande voz do céu, proclamando: Agora veio a salvação, ... pois foi expulso o acusador de nossos irmãos, o mesmo que os acusa de dia e de noite, diante do nosso Deus.” Apoc. 12:10. Descanse hoje em meio às tormentas da vida, confiando na promessa bíblica. E repita para si: “Senhor, Deus meu, em Ti me refugio; salva-me de todos os que me perseguem e livra-me.”

3 de jul de 2010

QUE É O HOMEM?

“Que é o homem, que dele Te lembres? E o filho do homem, que o visites?” Sal. 8:4. Outro dia, um homem envolvido em mil e um problemas disse: “O que vim fazer neste mundo? Vim só para sofrer? Melhor teria sido não haver nascido.” Alguma vez você já se perguntou para que veio ao mundo? Qual é o propósito de sua existência? Quem é você? Uma noite, o salmista contemplava o céu infinito, a lua e as estrelas e, de repente, ao ver toda aquela beleza natural, perguntou com espontaneidade: “Que é o homem?” O que é o homem diante da magnificência do Universo? Uma partícula de pó? Nada? Quase nada? Enquanto muitos acreditam que o ser humano é nada mais do que um animal racional, ou seja, um animal um pouco superior aos outros animais, Davi, contemplando o espetáculo daquela noite maravilhosa, responde sua própria pergunta, afirmando: “Fizeste [o homem], ... por um pouco, menor do que Deus.” Sal. 8:5. Que é o homem, afinal de contas? Um pouco maior que os bichos ou um pouco menor que os anjos? Depende da sua perspectiva. Para você, o homem é fruto do acaso? Um acidente milenar? Ou fruto do amor maravilhoso de Deus? Se ele é fruto do acaso, então sua existência não tem um propósito. Tudo que acontece com ele é um acidente. Ele é uma pobre vítima de um destino desconhecido. Por outro lado, se é fruto do amor de Deus, ele sabe de onde vem e para onde vai. Tem nas mãos o mapa que o conduzirá à realização de seus sonhos. Tem à sua disposição a Tocha que iluminará sua vida nas circunstâncias mais escuras. Tem o braço forte de seu Criador, que a cada passo sussurra aos seus ouvidos: “Não tenha medo, Eu serei contigo.” Por isso, hoje, tente olhar além das nuvens. Diante da pergunta do salmista: “Que é o homem, que dele Te lembres?” Responda: Eu sou um(a) filho(a) maravilhoso(a) de Deus !