26 de abr de 2012

PELA GRAÇA, A CADA DIA... É pela contemplação que somos transformados. Não há nada em nós que possa agradar a Deus e nos qualificar para a salvação. Existe alguma área da sua vida fora do controle do Espírito Santo? Nesse momento, antes de responder, fale com Jesus sobre isso. HOJE é o dia de subjugar e vencer todas as tendências pecaminosas...Vencer hoje, é um grande passo para vencer amanhã, e assim sucessivamente. Não poupe nenhum pecado que tem atormentado sua vida. "Poupar algum pecado, é acalentar um inimigo que só está à espera de um momento de descuido para causar a nossa ruína (Exaltai-o - Meditações de 92). A graça de Cristo muda nossa disposição natural de pensar e agir. Paulo fala em Filipenses 4:8 que pela graça, pensamos nas coisas do alto, as que não são daqui... Porque pensamos assim? Porque o crente - aquele que crê e obedece - tem uma vida focada na eternidade. Estamos aqui,mas não somos daqui. As tendências herdadas ou adquiridas para o mal, devem ser vencidas e controladas pelo ódio natural pelo pecado,que a graça implanta no coração. O convívio pacífico com o pecado acariciado tira nossa motivação de buscar habitualmente a Deus nas primeiras horas da manhã. Quando não sentimos esse desejo da convivência com Deus diariamente, perdemos a motivação pelas coisas espirituais e pelo Céu.O Céu não seria um lugar desejável à mente carnal; seu coração natural, não santificado, não sentiria nenhuma atração para esse puro e santo lugar; e se lhes fosse possível ali entrar, nada encontrariam que lhes fosse afim. As tendências que controlam o coração natural devem ser subjugadas pela graça de Cristo, antes que o homem caído esteja em condições de entrar no Céu, e partilhar da comunhão com os anjos puros e santos. Quando o homem morre para o pecado, e passa a viver nova vida em Cristo, divino amor enche-lhe o coração; seu entendimento é santificado; ele bebe da inesgotável fonte de alegria e conhecimento; e brilha em seu caminho a luz de um eterno dia, pois com ele está continuamente a luz da vida.

24 de abr de 2012

NEM TODOS OS CAMINHOS NOS LEVAM A DEUS...SÓ HÁ UM CAMINHO!
Aqueles que tentam interpretar a Palavra segundo suas próprias idéias, que a lêem segundo suas próprias opiniões, nunca verão a verdade e morrerão em seus pecados. Aqueles que comem da árvore proibida aceitam as falsidades de Satanás no lugar do "Assim diz o Senhor", e a menos que se arrependam, nunca obterão aquela vida que se compara à vida de Deus. Como fizeram Adão e Eva, eles se excluem da árvore da vida, cujo fruto perpetua a imortalidade. ... Estamos vivendo em meio às solenidades do juízo. Nossa alma deveria encher-se de reverência, pois estamos continuamente na presença de Deus. Cada um deve decidir por si mesmo se obedecerá e viverá ou desobedecerá e perecerá. Para aqueles que obedecem, a Palavra de Deus é a árvore da vida. É a palavra de salvação, recebida para a vida eterna. O homem que está mais próximo do Senhor é aquele que aguarda por Ele como quem espera pela manhã, o que tem a MÍNIMA confiança no EU e a MÁXIMA confiança em DEUS.
PODER NAS PROMESSAS Para que não vos torneis indolentes, mas imitadores daqueles que, pela fé e pela longanimidade, herdam as promessas. Hebreus. 6:12. Cumpre manter-nos apegados à Palavra de Deus. Necessitamos de suas advertências e animações, suas ameaças e promessas. As Escrituras devem ser recebidas como a Palavra de Deus a nós, não meramente escrita, mas falada também. Quando os aflitos iam ter com Cristo, Ele os via não somente a eles que pediam auxílio, mas a todos quantos, através dos séculos, haviam de buscá-Lo com igual necessidade e idêntica fé. Quando disse ao paralítico: "Filho, tem bom ânimo; perdoados te são os teus pecados" (Mat. 9:2) ... dirigia-Se a outros sofredores, oprimidos do pecado, que haviam de ir ter com Ele em busca de auxílio. O mesmo se dá quanto a todas as promessas da Palavra de Deus. Por meio delas, Ele nos está falando a nós, individualmente; falando tão diretamente, como se Lhe pudéssemos ouvir a voz. É por intermédio dessas promessas que Cristo nos comunica Sua graça e poder. Elas são folhas daquela árvore que é "para a saúde das nações". Apoc. 22:2. Recebidas, assimiladas, elas serão a fortaleza do caráter, a inspiração e o sustentáculo da vida. Nenhuma outra coisa pode possuir tal poder restaurador. (A Ciência do Bom Viver, pág. 122). Deus ama Suas criaturas com um amor que é a um tempo terno e forte. Estabeleceu as leis da natureza; estas, porém, não são exigências arbitrárias. Todo "Não", seja no que concerne à lei física como no que respeita à lei moral, implica uma promessa. Caso ela seja obedecida, nossos passos serão seguidos de bênçãos; se desobedecida, o resultado será perigo e infelicidade. As leis de Deus visam levar Seu povo mais perto dele. Ele os salvará do mal e os levará ao bem, se quiserem ser conduzidos; forçá-los, porém, Ele jamais fará. (Testemunhos Seletos, vol. 2, págs. 144 e 145).

21 de abr de 2012

CRUXIFICANDO O EU
Aqueles que tentam interpretar a Palavra segundo suas próprias idéias, que a lêem segundo suas próprias opiniões, nunca verão a verdade e morrerão em seus pecados. Aqueles que comem da árvore proibida aceitam as falsidades de Satanás no lugar do "Assim diz o Senhor", e a menos que se arrependam, nunca obterão aquela vida que se compara à vida de Deus. Como fizeram Adão e Eva, eles se excluem da árvore da vida, cujo fruto perpetua a imortalidade. ... Estamos vivendo em meio às solenidades do juízo. Nossa alma deveria encher-se de reverência, pois estamos continuamente na presença de Deus. Cada um deve decidir por si mesmo se obedecerá e viverá ou desobedecerá e perecerá. Para aqueles que obedecem, a Palavra de Deus é a árvore da vida. É a palavra de salvação, recebida para a vida eterna. O homem que está mais próximo do Senhor é aquele que aguarda por Ele como quem espera pela manhã, o que tem a MÍNIMA confiança no EU e a MÁXIMA confiança em DEUS. ...
NEM TODOS OS CAMINHOS NOS LEVAM A DEUS...SÓ HÁ UM CAMINHO!
Aqueles que tentam interpretar a Palavra segundo suas próprias idéias, que a lêem segundo suas próprias opiniões, nunca verão a verdade e morrerão em seus pecados. Aqueles que comem da árvore proibida aceitam as falsidades de Satanás no lugar do "Assim diz o Senhor", e a menos que se arrependam, nunca obterão aquela vida que se compara à vida de Deus. Como fizeram Adão e Eva, eles se excluem da árvore da vida, cujo fruto perpetua a imortalidade. ... Estamos vivendo em meio às solenidades do juízo. Nossa alma deveria encher-se de reverência, pois estamos continuamente na presença de Deus. Cada um deve decidir por si mesmo se obedecerá e viverá ou desobedecerá e perecerá. Para aqueles que obedecem, a Palavra de Deus é a árvore da vida. É a palavra de salvação, recebida para a vida eterna. O homem que está mais próximo do Senhor é aquele que aguarda por Ele como quem espera pela manhã, o que tem a MÍNIMA confiança no EU e a MÁXIMA confiança em DEUS.
AGORA É A HORA...
Estamos nos preparando para encontrar-nos com Aquele que, acompanhado por uma comitiva de santos anjos, há de aparecer nas nuvens do céu, para dar aos fiéis e justos o toque final da imortalidade. Quando Ele vier, NÃO nos há de purificar de nossos pecados, remover de nós os defeitos que há em nosso caráter, ou curar-nos das fraquezas de nosso temperamento e disposição. Se acaso esta obra houver de ser efetuada em nós, sê-lo-á totalmente ANTES daquela ocasião. Quando o Senhor vier, os que são santos serão santos ainda. Os que houverem conservado o corpo e o espírito em santidade, em santificação e honra, receberão então o toque final da imortalidade. Mas os que são injustos, não santificados e sujos, assim permanecerão para sempre. Nenhuma obra se fará então por eles para lhes tirar os defeitos, e dar-lhes um caráter santo. Naquela ocasião, o Refinador não Se ocupará com o processo de purificação, para remover-lhes os pecados e a corrupção. Tudo isso deve ser realizado durante o tempo da graça. É agora que essa obra deve ocorrer em nós. ... Achamo-nos agora na oficina de Deus. Muitos de nós somos pedras rústicas da pedreira. Ao apoderar-nos, porém, da verdade de Deus, sua influência nos afeta. Eleva-nos, e tira de nós toda imperfeição e pecado, seja de que natureza for. Assim estamos preparados para ver o Rei em Sua beleza, e unir-nos afinal com os puros anjos celestes no reino da glória.
JESUS DARÁ PODER PARA VENCER
Pois somos feitura dEle, criados em Cristo Jesus para boas obras, as quais Deus de antemão preparou para que andássemos nelas. Efés. 2:10. Em seus esforços para vencer, você enfrentará muitas tentações; mas se continuar a esforçar-se, Cristo lhe dará grande sucesso. Quanto mais sérias as provas, tanto mais preciosa a vitória que você obterá. Se tão-somente fugir para a Fonte de sua força, você receberá uma grande bênção. Mas precisamos aprender a lançar todos os nossos cuidados sobre Jesus Cristo, que é nosso ajudador. Levemos ao Senhor em oração todas as nossas tristezas e aflições. É uma grande coisa crer em Jesus. Ouvimos muitos dizendo: "Creia, creia; tudo o que você deve fazer é crer em Jesus." Mas é privilégio nosso indagar: O que está contido nessa crença, e o que ela compreende? Há muitos de nós que possuem fé nominal, mas não trazemos essa fé para o nosso caráter. Declara-se que o demônio crê e treme. Enquanto esteve no Céu, ele creu que Cristo era o Filho de Deus, e quando veio para a Terra esteve em conflito com Ele aqui, no campo de batalha. Ele cria em Cristo, mas pôde isso salvá-Lo? Não; porque ele não entreteceu a Cristo em sua vida e caráter. Devemos ter aquela fé que opera pelo amor e purifica a alma, e essa crença em Cristo nos levará a afastar tudo o que for ofensivo aos Seus olhos. A menos que tenhamos essa fé que opera, ela não será de utilidade para nós. Você pode admitir que Cristo é o Salvador do mundo, mas é Ele o seu Salvador? Crê você hoje que Ele lhe dará forças e poder para vencer todo defeito de seu caráter?... Devemos crescer até à plenitude da estatura de homens e mulheres em Cristo Jesus, e estaremos assim erigindo um precioso templo para o Senhor. Ele diz: "Habitarei e andarei entre eles; serei o seu Deus, e eles serão o Meu povo."
PRECIOSIDADES DA BÍBLIA
"Vede que grande amor nos tem concedido o Pai, que fôssemos chamados filhos de Deus." I João 3:1. "Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância." João 10:10. "Estas coisas vos tenho dito para que o Meu gozo esteja em vós, e o vosso gozo seja completo." João 15:11. "Aquele que tocar em vós toca na menina do Seu olho." Zacarias. 2:8. "O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; não se vangloria, não se ensoberbece, não se porta inconvenientemente, não procura os seus próprios interesses, não se irrita, não suspeita mal; não se regozija com a injustiça, mas se regozija com a verdade; tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. O amor jamais acaba." I Coríntios. 13:4-8. "De longe o Senhor me apareceu, dizendo: Pois que com amor eterno te amei, também com benignidade te atraí." Jeremias. 31:3. "Porque estou certo de que, nem a morte, nem a vida, nem anjos, nem principados, nem coisas presentes, nem futuras, nem potestades, nem a altura, nem a profundidade, nem qualquer outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus nosso Senhor." Romanos. 8:38 e 39.

18 de abr de 2012

SOMENTE A VERDADE TRANSFORMA E EDIFICA


Estai, pois, firmes, tendo cingidos os vossos lombos com a verdade. Efés. 6:14.
Deus permitiu que Satanás levasse avante sua obra até que o espírito de desafeto amadurecesse em ativa revolta. Era necessário que seus planos se desenvolvessem completamente a fim de que todos pudessem ver sua verdadeira natureza e tendência. ... Seu poder para enganar era muito grande. Disfarçando-se sob a capa da falsidade, alcançara uma vantagem.
Todos os seus atos eram de tal maneira revestidos de mistério, que era difícil descobrir aos anjos a verdadeira natureza de sua obra. ... Consistia sua astúcia em perturbar com argumentos sutis, referentes aos propósitos de Deus. Tudo que era simples ele envolvia em mistério, e por meio de artificiosa perversão lançava a dúvida sobre as mais claras declarações de Jeová.
Sua obra traiçoeira era tão sutil que não aparecia diante do exército celestial como aquilo que realmente era; e assim houve guerra no Céu, e Satanás foi expulso com todos os que não permaneceram ao lado da lealdade ao governo de Deus.
Todos os que fazem declarações inverídicas de que estão servindo aquele que tem sido um mentiroso desde o princípio. Ponhamo-nos em guarda contra a falta de veracidade, que se desenvolve naquele que a pratica. " Cingi-vos da verdade. ... Livrai-vos de toda a prevaricação e exagero; nunca façais uma declaração falsa".
A intenção de enganar é o que constitui a falsidade... Todo o exagero intencional, toda a sugestão ou insinuação calculada a transmitir uma impressão errônea ou desproporcionada, mesmo a declaração de fatos feita de tal maneira que iluda, é falsidade. (Patriarcas e Profetas, pág. 309)..

16 de abr de 2012

JUNTO ÀS ÁGUAS

"Ele é como árvore plantada junto a corrente de águas, que, no devido tempo, dá o seu fruto, e cuja folhagem não murcha; e tudo quanto ele faz será bem-sucedido." (SALMOS. 1:3.)
Quem é ele? A quem Davi está se referindo? Todo ser humano gostaria de ser uma pessoa com as características que o salmista descreve aqui. Este salmo fala de frutos, de abundância, de uma permanente produtividade e de prosperidade. A Bíblia, e particularmente os livros dos Salmos e dos Provérbios, ensinam que Deus deseja filhos prósperos em todas as áreas da vida.
Você pode sonhar com um casamento cheio de amor, uma carreira profissional de êxito, títulos universitários, realização pessoal, equilíbrio financeiro, filhos prósperos e relacionamentos enriquecedores. Nada disso diverge da vida cristã. Mas essas coisas não podem ser o propósito da sua existência, e sim o resultado de algo mais profundo. Se você fizer da prosperidade a razão de sua vida, poderá chegar ao fim dos seus dias sem nada, ou talvez com algo, mas vazio e frustrado. Você terá corrido na direção errada. A meta estava no sul e você foi para o norte.
No salmo de hoje, o homem próspero é comparado com uma árvore cheia de frutos. Os frutos abundantes e as folhas verdes dessa árvore são o resultado de estar junto à corrente de águas, pois elas são sua fonte de vida e energia. Enquanto o humanismo ensina que há energia e força dentro de você, o cristianismo enfatiza que você precisa buscar essa energia em Jesus, a fonte de vida.
Uma árvore sem água morre ou, na melhor das hipóteses, aparenta estar viva, mas não dá frutos. Até as palmeiras no deserto precisam aprofundar suas raízes em busca de água. Como pode existir uma vida de êxito sem Jesus?

14 de abr de 2012

O REINO DE DEUS ESTÁ PRÓXIMO


Foi Gabriel "Seu anjo", que Cristo enviou a revelar o futuro ao amado João; e é proferida uma bênção sobre os que lêem e ouvem as palavras da profecia, e observam as coisas ali escritas. (N.T - Apocalipse. 1:3).

"O Senhor Jeová não fará coisa alguma, sem ter revelado o Seu segredo aos Seus servos, os profetas." Ao passo que "as coisas encobertas são para o Senhor nosso Deus" (Amós 3:7), "as reveladas são para nós e para nossos filhos para sempre". (V.T - Deuteronômio. 29:29).

Deus nos tem dado essas coisas, e Sua bênção acompanhará o estudo reverente das escrituras proféticas, apoiado de oração.
Como a mensagem do primeiro advento de Cristo anunciava o reino de Sua graça, assim a de Sua segunda vinda anuncia o reino de Sua glória. E a segunda, como a primeira mensagem, acha-se baseada nas profecias.

As palavras do anjo a Daniel, com relação aos últimos dias, deviam ser compreendidas no tempo do fim. A esse tempo, "muitos correrão de uma parte para outra, e a ciência se multiplicará". "Os ímpios procederão impiamente, e nenhum dos ímpios entenderá, mas os sábios entenderão." (V.T - Daniel. 12:4 e 10).

A ESCADA DA SANTIFICAÇÃO


...Os que recusam ser talhados pelos profetas, e deixam de purificar a alma na obediência da verdade toda, e se dispõem a crer que seu estado é muito melhor do que realmente é, chegarão ao tempo em que as pragas cairão, e hão de ver então que necessitam ser talhados e lavrados para o edifício. Não haverá, porém, tempo para o fazer, e nem Mediador para pleitear sua causa perante o Pai. Antes desse tempo sairá a declaração terrivelmente solene de que: "Quem é injusto, faça injustiça ainda; e quem está sujo, suje-se ainda; e quem é justo, faça justiça ainda; e quem é santo seja santificado ainda." (APOCALIPSE. 22:11).

Vi que ninguém poderia participar do "refrigério" a menos que obtivesse a vitória sobre toda tentação, orgulho, egoísmo, amor ao mundo, e sobre toda má palavra e ação. Deveríamos, portanto, estar-nos aproximando mais e mais do Senhor, e achar-nos fervorosamente à procura daquela preparação necessária para nos habilitar a estar em pé na batalha do dia do Senhor. Lembrem todos que Deus é santo, e unicamente entes santos poderão morar em Sua presença. (VIDA ENSINOS, PAG. 113).

MENSAGENS DADAS ANTES, MAS PARA NOSSA ÉPOCA...




A profecia tem estado a cumprir-se, ponto por ponto. Quanto mais firmes estivermos sob a bandeira da mensagem do terceiro anjo, tanto mais claro havemos de compreender a profecia de Daniel; pois o Apocalipse é o suplemento de Daniel.

Quanto mais plenamente aceitarmos a luz apresentada pelo Espírito Santo mediante os consagrados servos de Deus, tanto mais profundas e seguras, mesmo como o trono eterno, parecerão as verdades da profecia antiga; teremos a certeza de que homens de Deus falaram segundo foram inspirados pelo Espírito Santo.

Os próprios homens devem estar sob a influência do Espírito Santo a fim de compreenderem Suas declarações mediante os profetas. Essas mensagens foram dadas, não para aqueles que enunciaram as profecias, mas para nós que vivemos entre as cenas de seu cumprimento.

O evangelho eterno deve ser proclamado por instrumentos humanos. Devemos fazer soar as mensagens dos anjos representados como voando pelo meio do céu, com a última advertência a um mundo caído. Se não somos chamados a profetizar, somos chamados a crer nas profecias, e a cooperar com Deus no levar a luz a outras mentes.

PREPAREMO-NOS PARA ENCONTRAR COM NOSSO DEUS


(Mensagens Escolhidas II - pag.117)

Nossa obra deve ser proclamar os mandamentos de Deus e o testemunho de Jesus Cristo. "Prepara-te... para te encontrares com o teu Deus" (Amós 4:12), é a advertência a ser dada ao mundo. É uma advertência a nós, individualmente. Somos chamados a deixar todo o embaraço, e o pecado que tão de perto nos rodeia.
Há uma obra para fazerdes, meu irmão - tomar o jugo com Cristo. Assegurai-vos de que vosso edifício se encontra sobre a rocha. Não arrisqueis a eternidade numa probabilidade.

Talvez não vivais para participar das cenas perigosas em que estamos agora entrando. A vida de nenhum de nós é assegurada por nenhum tempo dado. Não devíeis vigiar a todo momento? Não devíeis examinarmos acuradamente a vós mesmo, e indagar: Que será para mim a eternidade?

A grande preocupação de toda alma deve ser: Está renovado meu coração? Está minha alma transformada? Acham-se meus pecados perdoados pela fé em Cristo? Nasci eu outra vez? Estou eu atendendo ao convite: "Vinde a Mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e Eu vos aliviarei"? Mateus. 11:28.

... Reputais todas as coisas como perda pela excelência do conhecimento de Cristo Jesus? E achais ser vosso dever acreditar em toda palavra que procede da boca de Deus?( Manuscrito 32, 1896).

4 de abr de 2012

A REAL FELICIDADE SÓ NA FONTE VERDADEIRA

A felicidade deve ser buscada de maneira correta e na fonte correta.Pensam alguns poder encontrar a felicidade em um procedimento de condescendência com os prazeres pecaminosos e nas enganosas atrações mundanas. E alguns sacrificam as obrigações materiais e morais, julgando encontrar a felicidade, e perdem tanto esta vida como a vindoura. Outros buscarão a felicidade na condescendência de um apetite antinatural, e consideram a condescendência da gula mais desejável do que a saúde e a vida. Muitos se deixam acorrentar pelas paixões sensuais, e sacrificarão a força física, o intelecto e as faculdades morais na satisfação da luxúria. Levarão a si mesmos a uma sepultura prematura e, no juízo, serão considerados suicidas.
Os homens estão vivendo para os prazeres dos sentidos, para este mundo e para esta vida unicamente.O quadro que a Palavra de Deus nos deu do mundo antediluviano representa mui verdadeiramente a condição a que rapidamente a sociedade moderna caminha.
Todos os que penetrarem na cidade de Deus, hão de fazê-lo pela porta estreita - por angustiante esforço, pois "não entrará nela coisa alguma que contamine". (APOCALIPSE. 21:27).
. Precisamos obter vitória sobre o eu, crucificar a simulação e a luxúria; e a seguir iniciar a união com Cristo. Depois de estabelecida, deve essa união ser mantida por um esforço contínuo, fervoroso e atento.
Mas ninguém que tenha caído deve se desesperar. Homens encanecidos, uma vez honrados por Deus, podem ter envilecido suas almas, sacrificando a virtude no altar da luxúria; mas se se arrependem, abandonam o pecado e voltam-se para Deus, há ainda esperança para eles. Aquele que declara: "Sê fiel até a morte, e dar-te-ei a coroa da vida" (APOCALIPSE. 2:10), faz também o convite: "Deixe o ímpio o seu caminho, e o homem maligno os seus pensamentos, e se converta ao Senhor, que Se compadecerá dele; torne para o nosso Deus, porque grandioso é em perdoar." (ISAÍAS. 55:7).

NOSSO CORPO FOI COMPRADO POR ALTO PREÇO...


As mais baixas paixões têm sua sede no corpo e por seu intermédio operam. As palavras "carne" ou "carnal" ou ainda "concupiscência da carne" envolvem a natureza inferior, corrupta; a carne por si mesma não pode agir contrariamente à vontade de Deus.
É-nos ordenado crucificar a carne com suas afeições e concupiscências. Como o faremos? Devemos infligir sofrimento ao corpo? Não; mas dar morte à tentação do pecado. Os pensamentos corruptos devem ser expulsos. O pecado da luxúria,a busca do prazer a qualquer preço, o envolvimento com sexo fora do estipulado por Deus.Todo o pensamento deve ser levado cativo a Jesus Cristo. Toda propensão animal deve ser sujeita às faculdades mais altas da alma. O amor de Deus deve reinar supremo; Cristo deve ocupar um trono não dividido. Nosso corpo deve ser considerado como havendo sido comprado. Os membros do corpo devem tornar-se instrumentos de justiça.( Manuscrito 1, 1888 ).

A HORA EM QUE NÃO ESPERARMOS


O tempo exato da segunda vinda de Cristo não nos é revelado. Jesus disse: "A respeito daquele dia e hora ninguém sabe". Mat. 24:36. Mas Ele também deixou sinais da Sua vinda, ao dizer: "Quando virdes todas estas coisas, sabei que está próximo, às portas". Mat. 24:33. E disse-lhes que quando os sinais da Sua vinda surgissem, eles deviam exultar e erguer a cabeça, porque a sua redenção se aproxima. Tendo em vista essas coisas, o apóstolo escreveu: "Mas vós, irmãos, não estais em trevas, para que esse dia como ladrão vos apanhe de surpresa; porquanto vós todos sois filhos da luz e filhos do dia". I Tess. 5:4 e 5. Como não sabemos a hora da vinda de Cristo, precisamos viver sóbria e piedosamente no mundo presente, "aguardando a bendita esperança e a manifestação da glória do nosso grande Deus e Salvador Cristo Jesus". Tito 2:13.
O Seu povo deve preservar suas características peculiares como Seus representantes. Há trabalho para cada um fazer. O rico deve utilizar seus recursos, o dignitário sua influência, o douto sua sabedoria, o pobre sua virtude, se quiserem ser obreiros eficientes de Deus. Devem estabelecer um relacionamento correto com Deus, para que possam refletir a luz da glória de Deus, que resplandece na face de Jesus Cristo.Devem advertir os homens quanto ao juízo vindouro.

3 de abr de 2012

TRABALHAR PARA DEUS,EM PRIMEIRO LUGAR

Que cada um dos cristãos que hoje se assentam em reuniões, pequenos grupos ou grupos de oração, escrevam no coração as palavras:"Estou trabalhando para o tempo e a eternidade; eu sou responsável perante Deus pelos motivos que me levam à ação".
Seja esta a sua divisa. Seja sua a oração do salmista: "Põe, ó Senhor, uma guarda à minha boca; guarda a porta dos meus lábios. Não inclines o meu coração para o mal." Salmos. 141:3 e 4.
Precisamos vigiar, para que as atividades trabalhosas da vida não nos levem a negligenciar a oração quando mais precisarmos da fortaleza que a oração nos dará.
A piedade está em perigo de ser alijada da alma pelo superdevotamento aos negócios. Grande mal é defraudar a alma da fortaleza e sabedoria celestiais que aguardam o nosso pedido. Precisamos da espécie de iluminação que só Deus pode fornecer. Ninguém além de quem possui essa sabedoria, está capacitado para promover os seus negócios. (Testimonies, vol. 5, pág. 560, 1889).

QUEM VERDADEIRAMENTE ME AMA


Ó Tu, a quem ama a minha alma.” (Ct 1:7 ARC1995)

É bom poder dizer do Senhor Jesus sem nenhum “se” ou “mas”: “Ó Tu, a quem ama a minha alma”! Muitos apenas podem dizer que creem que amam a Jesus; confiam que O amam, mas só uma experiência pobre e superficial se satisfará ficando ali. Ninguém deve dar repouso ao seu espírito até sentir-se completamente seguro num assunto de tão vital importância. Não devemos estar satisfeitos com uma esperança superficial de que Jesus nos ama, e com uma mera crença de que nós O amamos a Ele. Os santos do passado não falavam, duma maneira geral, com “mas” e “ses”; com “eu espero” e “eu creio”, mas eles falavam positiva e claramente.
“Eu sei em Quem tenho crido”, diz o apóstolo Paulo. “Eu sei que o meu Redentor vive”, diz Job. Assegura-te de que realmente amas a Jesus, e não fiques satisfeito até que possas dizer com toda a certeza que tens interesse nEle, sem dúvida, por já haveres recebido o testemunho do Espírito Santo, e por teres sido selado, pela fé, com o Consolador.

FOI CONTADO ENTRE OS TRANSGRESSORES


“Foi contado com os transgressores.” (Is 53:12 ACF)
POR QUE É que Jesus consentiu em ser contado com os pecadores? Esta admirável condescendência fica justificada por muitas e poderosas razões. Em primeiro lugar, em tal caráter Ele poderia ser o melhor advogado deles. Em algumas causas há uma identificação entre o advogado e o cliente; ante o olho da lei não podem ser considerados à parte um do outro. Agora, quando o pecador é conduzido ao tribunal, Jesus em pessoa aparece ali. Ele está para responder à acusação. Ele mostra o Seu flanco, as Suas mãos, os Seus pés e desafia a Justiça a que apresente qualquer coisa contra os pecadores a quem Ele representa; Ele responde à acusação com o Seu sangue, e fá-lo tão triunfalmente, contando-Se entre os pecadores e tendo uma parte com eles, que o Juiz diz: “Deixai ir estes; Livra-os, para que não desçam à cova; já Ele achou um resgate.” Nosso Senhor foi contado com os transgressores para que eles sentissem os seus corações atraídos para Ele. Quem pode ter medo de Alguém que está inscrito na mesma lista, connosco? Com toda a certeza, podemos ir até Ele audaciosamente e confessar-Lhe a nossa culpa. Aquele que está contado connosco não nos pode condenar. Não foi Ele registado por escrito na lista dos transgressores para que nós fôssemos inscritos no rolo carmesim dos santos? Ele era santo e estava inscrito entre os santos; nós somos culpados e estamos contados entre os culpados. Ele transfere o Seu nome daquela lista para esta negra acusação escrita, e os nossos nomes são apagados da acusação escrita e escritos no rolo da aceitação, porquanto há uma completa transferência entre Jesus e o Seu povo. Jesus tomou toda a nossa condição de miséria e os nossos pecados, e tudo o que Ele tem veio a ser nosso. A Sua justiça, o Seu sangue e tudo o que Ele tem no-lo dá como nosso dote.

O CÉU É PARA OS SANTOS



Felizes de nós, os que temos a Palavra de Deus para que sempre nos guie! O que pode fazer o marinheiro sem a bússola? E o que pode fazer o Cristão sem a Bíblia? Ela é a carta infalível, o mapa no qual estão registados todos os bancos de areia e todos os canais da areia movediça da destruição até ao porto da salvação estão delineados e marcados por Alguém que conhece todo o caminho. Bendito sejas Tu, Oh Deus, porque podemos confiar em Ti para que nos guies agora, e nos guies até ao fim! Depois de ter sido guiado nesta vida, o Salmista antecipa a divina recepção que terá no fim, e diz: “e, depois, me receberás em glória”. Que bênção para ti, Crente! Deus mesmo te receberá em glória; receber-te-á a ti! Ainda que transviado, no erro e perdido, Ele levar-te-á seguro, no fim, à Sua glória. Esta é a tua porção. Vive disto neste dia, e se as perplexidades te cercarem, vai na força deste versículo diretamente para o trono.