04/06/2011

ORAR FAZ BEM À SAÚDE

Em seu novo livro How God changes the Brain (Como Deus muda o cérebro),o neurocientista Andrew Newberg, professor da Universidade de Pensilvânia, fala sobre o aspecto positivo da oração na melhoria da memória, na diminuição da ansiedade e da depressão.Ele explica a base científica para as suas afirmações e diz que o importante é praticar a fé sem intolerância ou radicalismos. Diz que em estudos passados, tinham idéia de como a religião mexia com o cérebro em curto prazo. O que acontecerá conosco, por exemplo, se começarmos a meditar na Bíblia , orar e adotar a prática por meses ou mesmo anos? Um dos estudos, fala sobre como a oração ajuda a melhorar a memória e, ao que parece, consegue esse efeito alterando a estrutura cerebral relacionada à memória.Na oração, descobrimos que as pessoas criam intimidade e interagem com o Criador.Se comunicam com quem conhecem intimamente, ou ainda não. (Newberg ) –“ Os nossos estudos usando imagens do cérebro mostram que, no longo prazo, há alterações no lobo frontal (relacionado à memória e à regulação das emoções) e no sistema límbico (ligado às emoções). As pessoas tendem a conseguir controlar mais suas emoções, expressá-las, senti-las. A meditação e a oração ajuda a melhorar a sua relação consigo mesmo e com os outros. Também especulamos que essas práticas alteram, inclusive, a química cerebral, como os níveis de serotonina e dopamina, que regulam o nosso humor, a nossa memória e o funcionamento geral de nosso corpo, mas ainda não temos provas disso. Uma das melhores coisas que as pessoas podem fazer para melhorar o funcionamento de seu cérebro é ter fé.Todos os pensamentos positivos são benéficos. Não há dúvida de que podemos melhorar as nossas chances de ser saudável e lidar com as doenças tendo um pensamento positivo, uma boa alimentação, dormindo bem e seguindo os conselhos médicos. A meditação na Palavra de Deus e a oração que melhoram nosso lado espiritual, também podem ser benéficas nas circunstâncias corretas”.

Nenhum comentário: