9 de jul de 2011

A BOA DÁDIVA E O PERFEITO DOM DE DEUS

“Toda a boa dádiva e todo dom perfeito vêm do alto, descendo do Pai das luzes, em quem não há mudança, nem sombra de variação”.( Tiago 1:17).O poder de Deus manifesta-se no pulsar do coração, na ação dos pulmões e nas correntes vivas que circulam através dos milhares de vasos do corpo. Somos-Lhe devedores por cada momento de existência, e por todos os confortos da vida. As faculdades e aptidões que elevam o homem acima dos animais inferiores, são dotes do Criador. Ele derrama sobre nós Seus benefícios. De Suas mãos recebemos o alimento que ingerimos, a água que tomamos, a roupa com que nos cobrimos, o ar que respiramos. Sem Sua providência especial, o ar estaria carregado de tóxicos e pestilências. Ele é um generoso benfeitor e mantenedor. O Sol que ilumina a Terra e glorifica toda a natureza, o brilho de mágica solenidade da Lua, as glórias do firmamento adornado de refulgentes estrelas, os aguaceiros que refrigeram a terra e fazem florescer a vegetação, as coisas preciosas da natureza em sua variada opulência, as árvores altaneiras, os arbustos e as plantas, os cereais ondulantes, o firmamento azul, a terra verdejante, as variações do dia e da noite, as estações renovadoras - tudo fala ao homem do amor dAquele que o criou. Ele nos ligou a Si por todos esses testemunhos no céu e na terra.Podemos declarar-Lhe nossos negócios temporais, pedindo-Lhe pão e roupa da mesma maneira que o pão da vida e o vestido da justiça de Cristo.Os dons dAquele que tem todo poder no Céu e na Terra, estão reservados para os filhos de Deus. Dons tão preciosos que nos advêm por intermédio do precioso sacrifício do sangue do Redentor; dons que satisfarão os mais profundos anseios do coração; dons tão perduráveis como a eternidade, serão recebidos e desfrutados por todos os que se aproximarem de Deus como criancinhas. Tomemos as promessas de Deus como nos pertencendo, aleguemo-las diante dEle como Suas próprias palavras, e receberemos a plenitude da alegria.

Nenhum comentário: