27 de out de 2011

PRIMEIRO CAPÍTULO DE DANIEL

O primeiro capítulo de Daniel começa apresentando o conflito entre dois povos, duas cidades e dois sistemas de culto e adoração. “No ano terceiro do reinado de Jeoaquim, rei de Judá (605 a.C.), veio Nabucodonosor, rei de Babilônia, a Jerusalém, e a sitiou” (Dan. 1:1). Daniel é um personagem bíblico reconhecido e mencionado por Jesus em Mateus 24:15. Nabucodonosor também é um personagem da história mencionado milhares de vezes em tabletes e tijolos encontrados nas escavações feitas em Babilônia. A presença de Nabucodonosor na Palestina em 605 a.C. (antes de Cristo) é confirmada pela narrativa feita pelo historiador Berosus que viveu entre 300 e 250 a.C.; Berosus é citado também nos escritos do historiador Flávio Josefo. “O livro de Daniel é a história de duas cidades: Jerusalém e Babilônia. Uma, representa o governo da justiça; a outra, o governo da maldade. Uma, revela o mistério da piedade, e, a outra, o mistério da iniquidade. Assim, as histórias e a profecias do livro ilustram os princípios do grande conflito entre Cristo e Satanás.” (Fonte\ Revelações de Daniel -Vol.I - Pr.Samuel Ramos)

Nenhum comentário: